Fim de semana com Anzai

Não há como dizer que o pop esteja totalmente saudável em tempos pandêmicos. Com raras exceções do naipe de Dua Lipa, estamos vivenciando um período de composições e interpretações soturnas, ressaltando o folk e álbuns introspectivos - como é o caso de "Folklore" e "Evermore" de Taylor Swift e "Punisher" de Phoebe Bridgers, ambas artistas americanas cogitadas pelo Grammy.

Ignorado pelo Grammy: The Weekend e seu pop sádico inspirado em Prince que marcou 2020

No entanto, quem diria que o prenúncio da salvação do gênero se originaria logo do Rio de Janeiro, com a sonoridade synth-pop mais gostosa e, principalmente, honesta que você certamente ouvirá em 2021? Estou falando da Anzai, que na verdade se trata do sobrenome do principal compositor, Paulo Anzai.

A nossa intenção é sempre trabalhar com sinceridade e verdade, e assim ajudar a pessoa a sorrir, dançar, se expressar e se entender. Esse é o poder da música.

Paulo Anzai

2 toques com Anzai

RC: Se já é difícil fazer um pop honesto no Brasil hoje, como é fazer pop em um estado tão saturado de problemas sociais, sanitários e políticos?

PA: A Anzai enquanto grupo integrante do grande guarda-chuva musical que é o pop, sabe da importância da música como instrumento fundamental de entretenimento, mas não como forma de tapar os olhos de ninguém. Temos sim a vontade de fazer parte de um pop consciente, nos tornarmos figuras formadoras de opinião, e seguir aceitando a música como forma de canalizar nossos sentimentos. A nossa intenção é sempre trabalhar com sinceridade e verdade, e assim ajudar a pessoa a sorrir, dançar, se expressar e se entender. Esse é o poder da música. Em relação à situação da nossa cidade, acredito ser um reflexo da situação do país como um todo, e obvimente nos deixa descontentes e com vontade de contribuir com mudanças significativas. Não acreditamos nas forças políticas que estão nos guiando no momento.

Mais do que nunca, 2021 anda agitado para a Anzai. A banda acaba de lançar o segundo single do que será um EP conceitual - com início, meio e fim. "Semana" é um pop solar, de letras reflexivas e influências modernosas como Foster The People, e uma melodia que, adivinhe, gruda na cabeça logo à primeira ouvida. Estamos em um território, pelo menos hoje em dia, pouco explorado por artistas que fazem as paradas radiofônicas no Brasil do funk e sertanejo: o território das canções bem escritas. Alô, Guilherme Arantes!

De olho nas paradas: capa do recém-lançado Single de "Semana" do Anzai

"Você me faz despertar a vontade de me entender só pra te contar
Como eu era e como vim parar aqui
São horas e horas de conversas sempre a fluir
O jeito que eu falo te encanta e te encoraja a se abrir"

Anzai nasceu da vontade de uma expressão musical livre e sem amarras. O projeto foi iniciado por Paulo após o fim de seu projeto musical anterior. De forma natural, Thiago Pege e Ruben Barbosa se uniram ao trabalho e ao longo de 2019 passaram a construir as canções que estarão no EP de estreia, a ser lançado em breve com outra faixa ainda inédita, conforme antecipa Paulo.

Anzai: pop trio completo (MonoChroma Films Co.)

RC: O primeiro single lançado do EP anunciado ia numa direção oposta à "Semana". "Eu não fecho os olhos", além de ter um clipe visualmente deslumbrante, conversa com o folk e a tal nova mpb. Qual, afinal, é a proposta do Anzai e o terceiro single vai pender para qual dos lados já vislumbrados até aqui?

PA: Primeiro, super agradecemos pelas palavras em relação a "Eu Não Fecho os Olhos"! Essa música na realidade não estava nos planos iniciais da Anzai. A questão é que o distaciamento social nos fez repensar nossa dinâmica de trabalho e optamos por um formato mais acústico. Nossos próximos lançamentos terão uma maior proximidade com a sonoridade de "Semana", mais voltados para o SynthPop. A proposta da Anzai é perambular pelo Indie Pop e mesclar influências brasileiras com o gênero.

E você, também entrou de cabeça no som viciante do Anzai? Conta pra nós aí nos comentários e não deixe de compartilhar com seus amigos.

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

ROCK CABEÇA no seu email!

Quer ler mais notícias como essa, diariamente?
Escreva seu email para receber todas as atualizações do site, direto na sua caixa de entrada. É gratuito e sem Spam

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!

ROCK CABEÇA no seu email!

Que tal fazer parte da realeza do rock, com artigos exclusivos sobre os maiores astros e os melhores shows do mundo?

I’m the Prince of Darkness” - Ozzy

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!