A mistura fina da Blend 87

São tempos em que as fitas isolantes de Anitta são mais relevantes que a música feita com suor, talento e inspiração. Tempos em que a beleza exótica e voz inigualável de Bruna Marlière, a grande “front-woman” da juiz-forana Blend 87, ficam restritas a poucos que se atrevem a curtir música boa na década do funk.

blend 87

Com um ótimo e diversificado álbum na bagagem (“Concebido por acaso na Terra”, em todas as plataformas digitais), a Blend 87 chega de vagarinho e, de um jeito bem mineiro, sai do eixo das capitais, comendo pelas beiradas do vasto mercado indie-pop-rock com retoques de MPB. A influência de Beatles é notória, assim como a criatividade que perpassa as 11 faixas do disco – cada qual representando um universo bem peculiar que, no entanto, é uniformizado pela voz (re)confortante de Bruna.

Confira a entrevista da Blend 87 para o Rock Cabeça da Rádio Inconfidência FM:

Veja agora o fabuloso vídeo da faixa “De vagar” da Blend 87:

E você, curtiu o som que acabou de ouvir? Enumere abaixo as suas impressões sobre a Blend 87! 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

ROCK CABEÇA no seu email!

Quer ler mais notícias como essa, diariamente?
Escreva seu email para receber todas as atualizações do site, direto na sua caixa de entrada. É gratuito e sem Spam

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!

ROCK CABEÇA no seu email!

Que tal fazer parte da realeza do rock, com artigos exclusivos sobre os maiores astros e os melhores shows do mundo?

I’m the Prince of Darkness” - Ozzy

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!