O alt-country complexo do Josephines

Josephines. Dê print e anote esse nome. Mais uma vez, Josephines. Sim, estou falando de outra grande banda gaúcha, e de uma das cidades mais longínquas, geladas e promissoras do Rio Grande do Sul: Rio Grande, que já nos trouxe a sonzeira frenética do The Experience Nebula Room. Mas, de gelada, a banda não tem nada. Faz rock com paixão, para uma base de fãs também apaixonada. Fãs do tipo que colecionam vinis e não resistem a uma camiseta vintage.

josephines

O Josephines trata-se de mais uma banda orquestrada pela Lovely Noise Records – um pote de ouro no fim do arco-íris indie – com fortes conotações alt-country, incluindo aí Wilco, Uncle Tupelo, além de influências dos anos 80, Echo and the Bunnymen e Joy Division. No entanto, não há tarefa mais ingrata do que tentar definir a sonoridade do Josephines, que no momento está no estúdio gerando o esperadíssimo segundo álbum, conforme anuncia o guitar-man, Luiz Espinelly.

Confira a entrevista do Josephines no quadro Rock Cabeça da Inconfidência FM:

Veja o vídeo de “December” do Josephines:

E então, o que achou da sonoridade complexa do Josephines? Conta tudo aí pra gente nos comentários! 

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

ROCK CABEÇA no seu email!

Quer ler mais notícias como essa, diariamente?
Escreva seu email para receber todas as atualizações do site, direto na sua caixa de entrada. É gratuito e sem Spam

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!

ROCK CABEÇA no seu email!

Que tal fazer parte da realeza do rock, com artigos exclusivos sobre os maiores astros e os melhores shows do mundo?

I’m the Prince of Darkness” - Ozzy

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!