John Mayer: O guitarrista injustiçado

Quando discutimos sobre guitarristas talentosos, sempre nos lembramos de músicos renomados como Jimi Hendrix, Eric Clapton, BB King, entre outros. Mas, quando o nome do guitarrista americano John Mayer é lembrado por alguém, a tendência é que haja uma enxurrada de críticas em relação à sua capacidade técnica.

john mayer rock cabeca

Com apenas 38 anos, o guitarrista, cantor e compositor acumula uma discografia com qualidade inigualável, variando do pop, com hits como “Daughters” e “Your Body Is A Wonderland”, ao blues, rock, folk com músicas como “Neon” e “Gravity”. Infelizmente, a maioria das pessoas que não reconhece o talento de Mayer, normalmente conhece apenas seus hits. Isso é de se esperar, afinal o jovem guitarrista venceu sete prêmios Grammy sendo que seis desses foram na categoria pop.

O começo da guitarra

Com a popularização de videoclipes em canais como a MTV , na década de 80, John Mayer passou a ter o convívio e o gosto por música logo na infância. Aos 13 anos quis aprender a tocar guitarra quando viu a performance de Marty McFly da canção de rock “Johnny B. Goode” no filme “De Volta Para o Futuro”. Depois disso, passou a se inspirar em vários guitarristas de rock e de blues, principalmente, Stevie Ray Vaughan e Jimi Hendrix — os que mais o influenciaram na juventude.

A guitarra cada vez mais o intrigava, e seu pai o matriculou em uma escola de música para fazer aulas de violão. Com 16 anos, Mayer montou uma banda com os amigos e passou a tocar em bares e casas de show. Aos 19 anos, já amadurecido no ramo musical, Mayer resolveu estudar música na Universidade de Berkeley, mas logo depois largou o curso por acreditar que não precisava de instruções para ser músico.

Conciliando apresentações com o tempo para compor, John decidiu usar a internet para difundir as suas músicas e, desde então, passou a ser mais reconhecido na cena musical americana.

O estilo de John Mayer

Limitar o cara a apenas um único estilo musical é impossível, mas podemos entender qual, afinal, é o estilo de John Mayer . O músico possui uma bagagem de blues e rock, principalmente por ter ouvido muito os grandes guitarristas do estilo. Seus solos de guitarra são compostos na maioria das vezes em cima da escala musical mais adorada pelos mestres desses gêneros: a escala pentatônica.

A originalidade de John se estabelece assim a partir da mescla do blues e a da influência do pop. O que Mayer classifica como sendo “o seu blues”.

Por que então não valorizar John Mayer como um grande guitarrista?

Hoje, não reconhecer John Mayer como um grande guitarrista seria uma injustiça! Basta analisá-lo em suas apresentações ao vivo. Mesmo com um repertório engessado em seus shows — devido principalmente ao seu público em êxtase e repleto de gritinhos  — ele sempre dá um jeito de ir além. Sua técnica, sua improvisação, sua presença de palco e o famoso “feeling” na guitarra se sobressaem nos espetáculos, revelando um guitarrista que tem, sim, músicas de caráter pop, mas que não abandona suas grandes influências musicais.

E você, também curte John Mayer? Qual seu álbum favorito do cara? Conta aí nos comentários!

John Mayer Rock Cabeca

DEIXE AQUI SEU COMENTÁRIO

  • Javan Candido

    Uma das minhas influências sem dúvida um dos maiores guitarras dessa nova safra, sou fã esse é fenômeno, sem fritadeira, sem decoreba, feeling total o cara é monstro! The best John!

    • Marcos Tadeu

      Yeah

    • Matheus Zanandrez

      Falou tudo amigo! Ele mesmo diz que detesta ficar decorando as músicas
      para tocar no show. As músicas que ele mais sente prazer em tocar são as
      que possibilitam o improviso. Uma das minhas grandes influências
      também, sem dúvidas. Um grande guitarrista que passa despercebido em
      muitos casos por ter criado canções para um público mais adolescente.
      Até acho que ele se dá muito bem no Pop também. O estilo não importa, o
      que importa é o talento para a música que ele possui…

  • Leonardo Júlio

    meus albums preferidos são Heavier Things e Continuum.

ROCK CABEÇA no seu email!

Quer ler mais notícias como essa, diariamente?
Escreva seu email para receber todas as atualizações do site, direto na sua caixa de entrada. É gratuito e sem Spam

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!

ROCK CABEÇA no seu email!

Que tal fazer parte da realeza do rock, com artigos exclusivos sobre os maiores astros e os melhores shows do mundo?

I’m the Prince of Darkness” - Ozzy

Não se esqueça de clicar no email de confirmação!